Essa mulher dormiu e acordou com essas lesões assustadoras nas mãos. Saiba por quê!

Essa mulher dormiu e acordou com essas lesões assustadoras nas mãos. Saiba por quê!

O Brasil é um país quente e muitas pessoas aqui não em noção do que o frio extremo pode causar na pelede uma pessoa. Quando alguém te disser que é necessário usar boas luvas nos lugares f

Leia tudo

O Brasil é um país quente e muitas pessoas aqui não em noção do que o frio extremo pode causar na pelede uma pessoa.







Quando alguém te disser que é necessário usar boas luvas nos lugares
frios, aceite a dica com seriedade. Quirk, uma jovem australiana durante
uma viagem ao Canadá, saiu com os amigos e bebeu demais.


Ela saiu do bar por volta das 2:30h da manhã para fumar um cigarro e
não voltou mais. Foi encontrada por volta das 5:30 da manhã do lado de
fora de uma casa de repouso, desmaiada sob uma temperatura de -30 °C.







A próxima coisa que Quirk se lembra é acordar em um hospital com uma
enfermeira dizendo que ela teve sorte de ser capaz de ainda ter as mãos.


Quirk sofreu o que chamamos de geladura que é causada quando o fluxo
de sangue contrai e se move para longe de áreas expostas em um esforço
para preservar a temperatura corporal.







Assim geladura é o nome dado à lesão causada pela exposição do corpo,
ou parte dele, ao frio intenso, onde pode ocorrer o congelamento
parcial da pele da região exposta.


Geralmente são lesões reversíveis, onde a área congelada assume
aspecto endurecido, podendo posteriormente ficar edemaciada, com dor
local e, da mesma forma que na queimadura, soltar a pele (descamar).


Deve-se realizar o aquecimento gradativo da região, por poucos minutos, exceto quando a área estiver muito congelada.







A moça sofreu lesões de geladura de 3º e 4º grau. Os dedos incharam
em enormes bolhas cheias de pus, que foram depois, rompidas por um
especialista, que observou que ela teve sorte de não ter que amputar
nenhum de seus dedos.